Malu,minha razão de viver!

Malu,minha razão de viver!

quinta-feira, 15 de março de 2012

A terrível crise dos 2 anos

Estamos passando uma fase muito difícil com a Maria Luiza, que tem 2 anos e 2 meses.
Maria Luiza sempre foi uma criança muito doce, carinhosa, terna e muito apegada a nós. Sempre soube demonstrar carinho a todos os que a cercam... Mas também, sempre deixou claro a que veio,  demonstrou ser geniosa e dona de uma forte personalidade. Porém nunca teve dificuldade em acatar bem as ordens recebidas e obedecia prontamente um não.
No entanto, ultimamente ela tem estado terrível. Nem parece a mesma Maria Luiza de sempre. Não em todo o tempo, mas algumas vezes ela tem apresentado um comportamento que nunca tínhamos observado antes, deixando todos os que a cercam (pais, avós, tios) de cabelo em pé. Até pra comer está difícil, logo ela que sempre foi dona de  um ótimo apetite e comia de tudo! Agora não quer comer, e quando come quer comer com a mão e não com a colher, parece que faz isso só pra nos contrariar,  apesar de saber bem como comer direitinho... E dá só umas 2 colheradas e já não quer mais, só quer o suco...
E o pior, quando ela recebe  um não, fica revoltada, nos belisca, quer bater, grita... Nossa, um verdadeiro auê! Nós não estamos entendendo o que está acontecendo... Ela é tão cercada de carinho, de atenção o tempo todo. Eu não trabalho fora, fico o dia todo com ela. E moramos perto dos meus pais, que também dão a maior atenção, de brincar no chaõ e tudo o mais. Então, falta de atenção não é, pra arrumarmos a desculpa de que ela só quer chamar atenção... Não pode ser... Não tem porquê.
E hoje aconteceu pior, bem pior. Ela teve uma crise histérica que me deixou horrorizada. Eu bem tentei me manter calma feito um monge, e não entrar na histeria dela também, mas 15 minutos de tormentos acabaram com  minha meditação interna e eu a pus de castigo no sofá, o que piorou... E assim se passaram mais não sei quantos minutos de piração.
Eu simplesmente não sabia mais o que fazer!!! Ficar quieta não adiantava porque ela partia pra cima de mim, castigo ela não queria saber, descia... Eu nunca tinha visto isso.
Então comentei com algumas amigas que já disseram ter passado por isso com seus filhos... E eu já havia ouvido falar da crise dos 2 anos, chamada de "Terrible Two" pelos americanos, então fui pesquisar pra ver se tinha fundamento. E tem! Na matéria que eu li tá dizendo tudinho igual! Ufaaaaaaa, é uma fase, vai passar... Só vou ter que ter muita paciência, muito amor e resignação. Mas o que me tranquiliza é que vai passar. Tenho é que ter sabedoria pra não ceder aos caprichos dessa pequena que se acha gente grande. E Deus há de nos dar sabedoria mamães!
Se você também está passando por isso, leia a matéria abaixo, vai ser muito esclarecedora e também ajudará vc a lidar com isso!!
Mamães unidas jamais serão vencidas!!
Cliquem no link:
A terrível crise dos 2 anos


94 comentários:

  1. Essas mudanças que acontecem com os pequenos realmente deixam a gente doida, o Pedro tem me deixado doida, e muita malcriação as vezes eu tenho que sair de perto dele pra poder respirar e acalmar os ânimos afinal ele só tem 1 aninho, mais é difícil viu.
    força e paciência ai.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é tb a minha princesinha de apenas 14 meses anda igualzinha a este testemunho e a vezes q eu n consigo controlar fico muito nervosa super strassada e pior de tudo q por vezes descarrego na minha mais q tudo . fico me a sentir tao mal muito mal mesmo choro e pergunto-me o pq de eu agir assim? N tou a conseguir gerir? Nao sei.fico muito triste e qd olho para ela eu sinto-me tão mal. Só quero lhe dar amor carinho educar e dar atenção pq simplesmente a amo muito

      Excluir
    2. Acontece o mesmo comigo a minha filha tem 1 ano e 11 meses estar nessa crise terrível e muitas vezes perco a paciência e dou lhe palmadas depois fico muito triste me questionando e me sentindo uma péssima mãe

      Excluir
    3. Deus me ajudem mamães, minha filha tem 2 anos e 5 meses, não sei o que fazer, ela n sabe dividir as coisas nem brinquedos nem a própria comida, havia dado um chocolate para ela e ela n quis mais aí fui comer um pedaço ela tomou da minha mão e jogou no chaooo.. fiquei horrorizada com a atitude, fui chamar a atenção ela começou a chorar a gritar pedindo colo de outras pessoas... Isso durou mais de 15min ate q cansei, pelo amor de Deus falem q isso eh realmente passageiro ou se eh falta de ser mais duro com ela.. me ajudem

      Excluir
  2. Tenho uma mocinha q vai fazer 3 anos e é fogo na roupa!passei mal aos bocados com ela nessa idade de 2 anos!mas é fase msmo!paciencia!
    bj*

    ResponderExcluir
  3. Foi surpresa seu comentário no meu diário, pois eu não divulgo esse blog uso apenas pra escrever pra mim tornei ele aberto a pouco tempo, mais se quiser conhecer um pouco da minha historia e do pedro acompanha esse aqui ednafernandesamae.blogspot.com
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Edna, é q no seu perfil aparece este blog. Irei no outro... bjs

      Excluir
    2. Meninas uma loucura, minha filha tem 2 anos e 4 meses, ela está estremamente chorona,ficou o dia todo com ela, a garotinha é cercada de atenção por todos ao seu redor, mas esta fase esta muito dificil nossa bjs

      Excluir
  4. Não tenho filhos de 2 anos AINDA, mais tenho uma sobrinha dessa idade e seu bem o que é essa crise, faz parte é fase ;)

    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tab gostei mas e muito didicil.pra mae ter que lIdarr co, isso. Pos meu filho esta terrivel mexe em tudo tem dia q ue nao sei o q fazer

      Excluir
    2. A verdade e que temos que ter muita paciencia com esses baixinhos mas o amor supera tudoo !! Vamos mae e tudoo

      Excluir
    3. Oh céus... Amém! Me sinto aliviada. Meninas estava a ponto de enlouquecer, preocupada com minha filha de 2 anos e 3 meses. Ela está passando por essa fase e está sendo muito difícil para mim lidar com essa situação! Mas ao saber que isso é "normal" me sinto melhor, pois já ouvi até que ela poderia estar sendo assombrada por um espírito maligno e tal... estava desesperada! Agora imaginem como fiquei, a menina de uma hora para outra muda o comportamento começar a bater, chorar sem parar, gritar muito, no fim vc acaba acreditando nessas coisas horríveis. Graças a Deus que encontrei vcs! Estou feliz, vcs conseguiram eu tbm vou conseguir! Bjim

      Excluir
    4. Não é só mãe não!!!
      O papai aqui com o discernimento de PAPAI do céu,me conduziu agora a pouco a acalmar meu filho nesta madrugada,acordou zangado com a mãe por causa de amamentação que demorou rsrsrs,ficou muito irritado q cheguei a pensar e quase entrar em pânico. Nunca tinha passado por isso,é o meu segundo filho e tem um anno e dois meses.Comecei a andar,orar e fazer um chiadinho pra ele e foi acalmando até dormir novamente. Confesso q quasee choro ,pois ele se esticava todo como tivesse sentindo dor. Só JESUS pra nós guiar mesmo numa coisa dessa.

      Excluir
    5. Não pode ter sido uma crise de terror noturno. Já passei isso com minha bebê tbm. Foi desesperador.....se esticava todinha, chorava, não queria que ninguém a pegasse! Durou uns 15 minutos e depois passou....como se nada tivesse acontecido!
      Levei ela até no hospital....mas não deu nada nos exames físicos. Foi a médica que me alertou para essa crise

      Excluir
  5. Menina quem é mãe cada hora passa por uma fase né? Olha a minha filhinha também quando era dessa idade fazia umas malcriações.Sabe toda mãe fica de cabelo em pé.Uma das coisas que eu fazia era pegar um brinquedinho dela que ela mais gostava, colocar dentro do guarda roupa e colocava uma cordinha no armário para fechar na frente dela.Ai ela chorava, e assim ia.Ai eu falava:- a mônica (boneca)só vai sair de lá amanhã, só depois que você parar de fazer bagunça.Resumindo ela ficava o dia todo atras de mim com aquela carinha de anjinha, pedindo para a mônica sair do armário.(meu coração doia) e quando ela iniciava a malcriação eu falava assim:- aah que pena a Mõnica não vai sair do armário.Amiga não vou dizer que é 100% mais aos poucos ela vai associando . Depois eu vou te dar mais uma diga de umas historinhas super legais que eu contava para ensinar... bjksss (Estou tomando todo espaço dos seus comentários) tchauzinho depois eu volto JACK ROSA
    http://diriodeumamedeprincesa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Amiga

    A Malu ta na fase das escolhas e hj ela já percebe o que é bom e ruim, por exemplo comida, ela que hj já conhece doces e etc... claroooo que vai escolher o que comer na hora do almoço e janta, massss é fase. Procure um prato bonitinho, talheres da mesma forma para cativar e dar mais incentivo, sente-se com ela na mesa com o seu prato e vá comendo e deixe ela e talvez (as vezes sou contra essa tática, mas é uma opção), ofereça uma recompensa se comer tudo.

    Sobre os "chiliques" é paciência e castigo, vc ta no caminho sem dúvida, não deixe que niguém contrarie suas ordens e ontem por exemplo que ela fez "isso tudo" ela fica de castigo, não vai na casa da vovó por exemplo e etc.. e repita 300 vezes se for preciso o pq dela estar de castigo, pq criança aprende por repetições e tem de ouvir a mesma coisa váriassss vezes.

    Bom espero poder ajudar com alguma coisa, estou sempre aqui do outro lado da tela.

    Bjs e um abençoado final de semana!!

    ResponderExcluir
  7. 15 min de choro e birra esses dias por aí?Aqui ontem foram exatos 30min de choro, motivo?Saiu correndo an rua e eu avisei q qd chegasse em casa ia ficar de castigo, na porta de casa já começou a gritar que não queria o "tigo"(castigo), entramos e o coloquei na cadeirinha do castigo, passou os 2 min fui tirá-lo e ele não quis pedir desculpa, então disse que só sairia de lá qd pedisse e me afastei aí começou o choro, os gritos, qd essas crises acontecem eu converso e aviso que só volto a falar qd ele parar de chorar, funciona viu, mas tem dias que demora mais, eles testam os nossos limites e tentam nos vencer pelo cansaço.
    Paciência e muito boa sorte aí.
    Aqui as birras diminuíram 90%, e o que ajudou muito foi o canto do castigo e ignorá-lo qd a coisa pega, sem ficar perto e tentando conversar, falo uma vez e me retiro.
    Dói mais na gente que neles.
    ]bjs

    ResponderExcluir
  8. Ai...mulher tem várias fases Ane...te acostuma...hahaha

    ResponderExcluir
  9. passa rápido vc vai ver, tem cada fase essa criançada, o jeito é nos acostumarmos(mesmo que dificil né) logo passa e esse anjinho voltaaa ao normal.rs bjaao e boa sorte!!!!
    ja estamos te seguindo
    perolasdealanis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Puxa vida, essa eu nem percebi. Descobrimos a gravidez da Cecilia uma semana depois que o Davi completou 2 anos, ele foi meu parceirasso durante a gestação. Amore da mamãe.

    bjocas, Cléo - Donamaricotafeliz
    Compromisso Mamães Blogueiras

    ResponderExcluir
  11. Nossaaa!!!Estou passando pela mesma situação com a minha filha de 2 anos e 2 meses, super chorona, birrenta por tudo e por nada, bate, chuta, nao posso conversar com ninguem que esta anti-social. em fim esta dificil!!
    Thais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Poxa vida, eu não sei mais o que fazer, minha filha tem exatamente 3 anos e 8 meses, mas ela esta em uma fase muito dificil, pois me bate, me xinga, grita comigo prefere minha mãe do que a mim, diz me odiar e tudo mais; Mas isso acontece somente quando ela esta perto da minha mãe, ja não sei mais o que fazer, alguem poderia me ajudar???

      Excluir
  12. A crise dos 2 anos chegou por aqui tb!!!

    Anelize, obrigada pelo recadinho deixado na minha postagem sobre a minha despedida do Recanto das Mamães Blogueiras.
    Beijo grande, Genis ♥
    http://mamaegenis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. A amiga, nem me lembra dessa fase. Mas passa rápido, tem que ter paciência.

    Pense... Por aqui eu tenho que ter jogo de cintura com uma menina de 13 anos que pode sim ser muito minha amiga, mas que de vez em quando perturba para ir ao cinema com as amigas. Adolescência não é facil, rs.

    Beijos
    Lilia

    ResponderExcluir
  14. Anelize,
    Arthur tem 4 anos e também passou por essa fase.
    Acho que a creche ajudou muito, conviver com outras crianças e as orientações das pedagogas me aliviavam bastante.
    Ele continua genioso, levado, mas muito carinhoso e inteligente. Preciso dar sempre boas explicações, pois não aceita um não simples.
    Mas com certeza passa!
    Beijinhos
    Aline Gago - compromisso

    ResponderExcluir
  15. NOssa ja passei e ainda estou passando..quando acaba essa crise???? aos 3? aos 4?
    Meus Deus tem horas q penso que vou enlouquecer

    bjks

    Andressa

    http://mamaetaon.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Anelize, esto me sentindo como vc. Meu filho se chama Cauã e também tem 2 anos e 2 meses. Está acontecendo com ele igualzinho o que acontece com Malu. Parece outra criança.
    http://maedecaua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Querida, foi como ler o comportamento do meu filho de 1 ano e 10 meses.... estava pesquisando sobre a crise (que já havia tomado ciência antes) quando cheguei até seu blog. Para ajudar, estou grávida e preciso manter a calma... mas está tão dificil porque também estou mais sensível..... Espero que passe logo, viu!!!

    ResponderExcluir
  18. Ola,

    Estou passando exatamente por isto...meu filho que completou 2 anos há 3 semanas, mudou da agua para o vinho, antes era super educado, obediente, e carinhoso.....de um dia para o outro começou a bater em mim e no meu marido, tem hora que chora pque quer nos bater.....acredita?
    Tudo é não, com um bico enorme...confesso que estou desesperada...mas lendo teu post vi que ele esta na adolescencia do bb....se a do bb esta dificil eu imagino quando chegar a adolescencia mesmo...rs....

    Ele também faz birra e fica tão nervoso que chego a ficar assustada.....

    Bom, espero que esta fase passe logo....

    ResponderExcluir
  19. Amigas, meu filho está em plena crise... que fase essa hein... quando é contrariado quer me bater, se joga no chão, bate com a cabeça na parede... e pior ainda, faz um escândalo na rua por qualquer coisa... as pessoas já o evitam porque chegam perto pra me cumprimentar e dizer "que bonitinho esse rapaz" e pronto! Se joga, berra, balança a cabeça fazendo não, é o próprio anti-social! Já até pensei em comprar uma plaquinha daquelas que tem escrito "cuidado, cão anti-social" porque é exatamente como ele tem se comportado...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida, vai por mim, essa fase passar mais rápido do que vc imagina!
      Parece mais um teste de paciência... e temos que passar por ele...
      Fica bem, mantenha a calma, ignore as birras, que isso vai passar...
      Bjo e conte comigo!

      Excluir
    2. Nossa, Papeteria Chic, o meu filhinho de 2 anos e 3 mêses está assim também! Hoje é domingo e acabamos de voltar de um restaurante com os amigos, e que vergonha que passamos. Uma pirraça gigante incontrolável, de se jogar no chão e ficar gritando, sem se importar com nenhuma de nossas tentativas de tirá-lo dessa situação! Eu só queria saber o que fazer nessas horas! Tem se repetido muito, estou angustiada com isso!

      Excluir
  20. Nossa...Me sinto bem mais aliviada em saber que nao estou sozinha rs, cheguei a pensar q minha bb de 2 anos 5 meses tivesse algum distúrbio.
    Ela se morde de arrancar sangue, bate a cabeca na parede,chuta,belisca etc...
    Já aprendi vários mantras para ver se consigo me manter mais calma, mas esta muito difícil, já estourou minha cota de mantras e paciência.
    Agora é só esperar a tal fase passar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não se desespere1
      Essa fase passa muito rápido, graças a Deus!
      rsrsrsrs
      É realmente um teste de paciencia...
      O melhor é ignorar as birras!!
      Fica firme!
      bjs e volte sempre que quiser

      Excluir
  21. Nossa...Me sinto bem mais aliviada em saber que nao estou sozinha rs, cheguei a pensar q minha bb de 2 anos 5 meses tivesse algum distúrbio.
    Ela se morde de arrancar sangue, bate a cabeca na parede,chuta,belisca etc...
    Já aprendi vários mantras para ver se consigo me manter mais calma, mas esta muito difícil, já estourou minha cota de mantras e paciência.
    Agora é só esperar a tal fase passar...

    ResponderExcluir
  22. Aff, estou passando pelo mesmo com meu filho de 1 ano e 9 meses... E acho q o fato de ele não falar agrava a situação... Alguma mamãe já superou essa fase? Passa mesmo? Taline, talinezs@hotmail.com

    ResponderExcluir
  23. Meu filho vai fazer 2 anos semana que vem,e de uns das pra cá ta muito nervoso tb,grita faz manha,mas aqui em casa prevalece o castigo e nessa parte eu e meu marido somos bem firme,se ele sai do castigo voltamos e colocamos de novo ate ele se cansar,e posso te dizer que funciona viu,mas ainda bem que passa,rsrsr bjinhos!

    ResponderExcluir
  24. Cheguei nesta fase...
    Minha menina é muito parecida com a sua: um doce, carinhosa, quietinha, obediente, mas sempre soube o que quis!
    Está com 2a1m! Entrou na escola há 1 mês.
    Desde então ela está gru-da-da em mim! Quer dormir em cima de mim, literalmente! Sendo que ela sempre dormiu na cama dela, desde recém-nascida!
    Se saio de perto ela berra. Não, vocês não estão entendendo: ela BERRA!
    Detalhe: tenho outra bebê de 8 meses. Não estou conseguindo dar atenção pra pequenininha.
    Nem meu marido, nem os avós, nem a babá... Ninguém consegue ter a atenção dela...
    Já que é fase, vamos esperar passar!
    Boa sorte pra nós!!!

    ResponderExcluir
  25. Olá,Estou nessa fase!!!!!!!!!!!!!

    Minha filha tem 2 anos! tá nessa fase terrível só quer fazer o que ela acha certo escolhe as roupas, sandálias e etc outra coisa adorava tomar banho agora pra dar banho nela é coisa de louco, as vezes da as crises no banho que dar vontade de sumir.

    Tudo que escolho pra ela é feio e se eu bater de frente ela faz aquele escândalo puxa o cabelo mim bate, chorra, grita parece que não vai parar nunca, chega ao ponto dos vizinhos do prédio ir lá em casa saber o que está acontecendo. Sinceramente estou ficando sem paciência e sem saber o que fazer.Ando assutada e com medo das crises.

    Minha Mãe fala que tenho que bater meu esposo diz que estou deixando ela mandar em mim olhe é muito complicado.

    Agora tenho um menino de 6 anos nunca fez nada disso.Fico mim perguntando onde eu errei porque acho que criei os dois do mesmo jeito.

    ResponderExcluir
  26. gente tenho uma de 2 anos que é terrivel,onde vou passo vergonha,ela mexe em tudo,nao pode ver gato ou cachorro q quer pegar,só vai onde não pode,até choro e nervoso.o q posso fazer,porque paumadas nao ajudam mais

    ResponderExcluir
  27. Eu estou pirando a minha tem 02 anos e 07 meses, e ela está cada vez pior oque eu faço eu fico sem saber todos falam vai passar, minha mãe pedi pra eu ter paciência mas não está dando mais!!! Nem meu marido que só fica Final de Semana direito com ela está aguentando!! Gente ela está terrível!!

    ResponderExcluir
  28. Pois é meninas meu Lipe também tem dois aninhos e está terrivel da um cansaço e tanto ..Mas o que está me ajudando é a creche lá ele se comporta bem mas em casa tira o atrasado...Mas o que a gente tem que pensar é que vai passar essa fase.

    ResponderExcluir
  29. OLA MEU NOME É NATALIA, TENHO UM FILHO DE 3 ANOS , MUITO GENIOSO , FAZ BIRRA , NAO OBEDECE NINGUEM MAIS , RESPONDE TODO MUNDO , BATE, BESLICA, CHINGA , FAZ UM SHOW NA RUA .. NAO SEI MAIS O QUE FAZER // TEM TODO O AMOR , CARINHO DOS FAMILIARES , TEM TUDO QUE QUER NA MEDIDA DO POSSIVEL // JA FICOU DE CASTIGO MAIS NAO RESOLVE , JA BATI A MESMA COISA ... ME AJUDE ....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SE PUDER ME ENVIE EMAIL
      natalia_silvalima01@hotmail.com

      GRATA

      Excluir
  30. Tenho uma menina chamada Luisa, sempre foi complexa... nunca se adaptou aos horários, come um dia e fica três sem ver comida de verdade... jogo comida fora...e se eu 'forçar" ela literalmente vomita. Meus nervos estão trincados, minha saúde acabou e não tenho ninguém pra ajudar. É impressionante como as pessoas acreditam que é tudo fácil!!!! 2 anos não é brincadeira e espero que seja só isso.. Estou exausta... Também fico o dia inteiro com ela e acho que ela já percebeu que domina a situação. mas percebi que só na insistência pra ela me ouvir. Dica: seja mais teimosa que ela(e)... mas realmente o coração dói....

    ResponderExcluir
  31. Tenha paciência é uma fase que vai passar. Não grite, não bate, não tente ser agressiva com ela. Sempre que ela fizer isso segure suas maozinhas e explique baixinho e claramente porque não pode e beije a mao dela. Vai precisar fazer isso várias vezes!!!! meu bebe ficou assim durante uns três meses e passou hoje ele não tem mais estas crises e ficou o bom de tudo hoje ele nos beija nossas maos e rosto.

    Garanto vai passar tenha muito carinho e paciência!! as vezes é difícil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talita confesso que o seu depoimento foi o melhor aqui, o único que realmente me deu esperança, estou me desestruturando, está bem difícil, de repente meu anjinho de 2 anos e 3 meses muda de uma semana pra outra, está muito difícil, tenho muito medo do que ele será no futuro, ele está muito agressivo, tá pesado,,, É bem difícil segurar as mãos dele após um tapa no meu rosto,,, minha tristeza está estampada,,, espero que essa fase passe logo!

      Excluir
  32. Ah q maravilha ler uma mãe escrevendo algo q outra mãe vai pensar: Ufa! não estou sozinha no mundo! kkkkkkk
    A minha filha Stella de dois anos e dois meses está assim.....tem dias q parece estar pior, quer mexer em tudo e se contrariada grita, dá tapa e chora. Um caos mesmo. Eu pensei q era por causa da chegada de mais um bebê em casa... Mas lendo inúmeros artigos vejo q é normal e importante até! é uma fase dolorida para eles, a fase em precisam aprender a se socializar e aceitar os limites e realmente, é cansativo demais para ambas as partes! Mas...faz parte mamães! vamos em frente e confiantes, é apenas uma fase!

    Obrigada pelo artigo!

    Bjos

    ResponderExcluir
  33. Ah q maravilha ler uma mãe escrevendo algo q outra mãe vai pensar: Ufa! não estou sozinha no mundo! kkkkkkk
    A minha filha Stella de dois anos e dois meses está assim.....tem dias q parece estar pior, quer mexer em tudo e se contrariada grita, dá tapa e chora. Um caos mesmo. Eu pensei q era por causa da chegada de mais um bebê em casa... Mas lendo inúmeros artigos vejo q é normal e importante até! é uma fase dolorida para eles, a fase em precisam aprender a se socializar e aceitar os limites e realmente, é cansativo demais para ambas as partes! Mas...faz parte mamães! vamos em frente e confiantes, é apenas uma fase!

    Obrigada pelo artigo!

    Bjos

    ResponderExcluir
  34. Olá, sou mãe da Larissa, minha filha tem 2 anos e 10 meses, estamos passando por essa faze, não é fácil, a larissa sempre teve a personalidade forte, mas sempre teve limites e sempre obedeceu, com essa fase dos 2 anos esta cada dia mais dificil, chora por tudo, faz escandalo por tudo, em relação a troca de roupa..tomar banho..nossa é uma briga danada, sempre procuro conversar, mas quando vejo que não da certo coloco ela sentada de castigo pensando no que fez e falo que se sair vai apanhar, tem dado resultado, logo após ela pede desculpas e eu converso dizendo que não é certo e explico o ocorrido, quando é algo "grave" dou sim uns tapinhas, aqueles como se tivesse tirando pó kkkk só para ela ficar sentida e ver que é realmente grave, também tem me dado resultado, bom ainda bem que é uma fase, por que sinceramente após um dia de trabalho longe da minha princesa quero chegar abraçar ela e brincar...não quero passar por estresse...isso faz mal a todos que estão em sua volta!!!boa sorte para nós e que essa fase passe logo.

    ResponderExcluir
  35. minha filha de 2 anos quase 8 meses,esta terrivel, há mudado totalmente seu comportamento...de carinhosa,doce,obediente,brincalhorna, para:
    Rebelde,nervosa,desobediente,braba......
    ha mais ou menos uns 4 meses ela ven sendo terrivel,eu sou mae de primeira viagen tenho 21 anos, naos ei ben o que fazer, as veses grito,choro,do uns tapinhas, varadinhas,nao que doao,mas para ela ver q eu sou a autoridade,mas tenho percebidop que so piora as coisas, ela ven com ganas encima de min,belisca,bate,grita,garra os meus cabelos, e ate segura meu pescoço com as maos faendo bastante força....
    Isso é normal,ou pode ter algo de errado acontecendo na saude dela....e como devo reagir nessas horas???? ela nen come mais,devo deixar sem que coma?
    Obrigada

    ResponderExcluir
  36. Olha, meu filho tem 3 anos e 4 meses e esta passando pela mesma fase. Lendo sua história eu me vi na mesma situação. Achei que fosse só comigo. Mas já passei muito mal, de quase ter um treco, por duas vezes por conta do descontrole da situação. Acho que só Deus mesmo. Hj desconheço o meu amado filho. Ele se transforma num "bicho" qdo é contrariado ou qdo não fazemos sua vontade. Tô muito triste, desmotivada e estressada com essa situação. Só quero saúde para conseguir superar esse momento tão difícil que nunca na vida imaginei passar. Boa sorte!

    ResponderExcluir
  37. oi pesoal tenho uma bebe que vai completar 2 aninhos mas ela e terrivel me bate me morde e nao quer colocar roupa, ela escolhe que roupa quer vestir nao sei mas oque fazer alguem podi me ajudar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Olha, estou admirada em ver quantas respostas esse post trouxe!!
      Pra vocês verem q não estão sozinhos nessa!
      É uma fase que a maioria das crianças passa, e a melhor notícia é que: essa fase passa! E passa rápido, não se apavorem! O melhor a fazer é ignorar a birra, eles vão perceber que não vai adiantar de nada ficar fazendo escandalo!!
      Volte sempre!!
      Anelize

      Excluir
  38. Tenho uma de 1 ano e 10 meses, e Deus que me dar paciência rsrsrsr.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Olha, estou admirada em ver quantas respostas esse post trouxe!!
      Pra vocês verem q não estão sozinhos nessa!
      É uma fase que a maioria das crianças passa, e a melhor notícia é que: essa fase passa! E passa rápido, não se apavorem! O melhor a fazer é ignorar a birra, eles vão perceber que não vai adiantar de nada ficar fazendo escandalo!!
      Volte sempre!!
      Anelize

      Excluir
  39. Nossa Anelise! Você descreveu exatamente oque meu Gustavo (acabou de completar 2 anos em 06/11) está fazendo nas ultimas semanas, cada dia está pior, porque as crises de nervoso passam a ser mais de uma vez por dia, hoje ele teve duas crises em menos de três horas, fique desesperada e quase cai em prantos, resolvi entrar na net para buscar ajuda, vou ler a matéria e espero que me ajude. Como está atualmente a sua pequena? Ela melhorou? Boa sorte a todas nós!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Olha, estou admirada em ver quantas respostas esse post trouxe!!
      Pra vocês verem q não estão sozinhos nessa!
      É uma fase que a maioria das crianças passa, e a melhor notícia é que: essa fase passa! E passa rápido, não se apavorem! O melhor a fazer é ignorar a birra, eles vão perceber que não vai adiantar de nada ficar fazendo escandalo!!
      Volte sempre!!
      Anelize

      Excluir
  40. Ao mesmo tempo em que me sinto aliviada em saber que não estou nessa sozinha, me bate uma angústia... Meu filho tem 4 anos e meio, e começou essa fase mais ou menos aos dois anos também, mas até hoje tenho dificuldade em lidar com ele. Dependendo da ocasião, ele se joga no chão, quando não quer não há quem o faça obedecer. Na rua então, ele fica pior, parece que quer me afrontar, corre muito, quer mexer em tudo, nem na igreja o garoto fica quieto... Minha preocupação com ele é constante, pois ele atravessa as ruas correndo, pula de um muro para outro, não tem noção do perigo. Fora a vergonha e a canseira que fico qd a gente sai... É verdade que ele está melhorando com o tempo, mas é lento, viu? Há um tempo atrás eu até evitava sair c ele, preferia ficar em casa, agora já consigo lidar com isso (mais ou menos) Já fui ao Neuropediatra que pediu vários exames, inclusive EEG, fui à Psicólogas infantis, Pediatras, todos falam a mesma coisa: ele é um menino muito inteligente e saudável, e não é nem hiperativo... Que bom, pq eu mesma acho que já não tenho muita saúde, não... rsrs Converso muito com ele, procuro me abaixar pra ficar da mesma altura, usar um tom de voz baixo, mas confesso que tem momentos que dá vontade de dar uma de doida e sumir, de tão cansada que fico. Ah! Ele melhorou muito quando o troquei de escola. Mas hoje lembrei de uma coisa que minha mãe, que faleceu no ano passado e sempre foi muito sábia, dizia: "melhor arrastar do que empurrar". Ela queria dizer que, graças a Deus tenho um filho com saúde para correr, pular, gritar, e que tudo isso faz parte de ser criança. E que tantas mães que têm seus filhos doentes dariam tudo para que eles também fossem abençoados como os nossos. Enfim, não vou desistir nunca do meu filho, estou sempre pesquisando, buscando experiências de outras pessoas (assim encontrei vcs!) e até estou cursando Pedagogia para poder ajudar mais o meu garotinho levado. Espero que isso tudo passe pra todas nós. Fiquem com Deus e boa sorte!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rita, obrigada por ter nos visitado. Espero tê-la ajudado de alguma forma. Realmente nao é fácil, não é nada fácil educar uma criança. Eu busco muita sabedoria de Deus, pq só Ele pra nos conduzir da forma correta. A gente as vezes não sabe como conduzir as situações... Essa fase na Malu passou até que rápido. Agora a fase é outra. Ela se acha grande, e se acha no direito de nos enfrentar... diria que esta fase é mais difícil... Mas vamos indo, com muita conversa, paciência e firmeza também. Se quiser mande-me e-mail: ane.mrs@gmail.com
      Abç
      Anelize

      Excluir
  41. fiquei aliviada ao ler esses comentários ,minha filha de 1 ano e 9 meses está nessa fase .logo passa.

    ResponderExcluir
  42. fiquei aliviada ao ler esses comentários ,minha filha de 1 ano e 9 meses está nessa fase .logo passa.

    ResponderExcluir
  43. Nossa...enquanto lia o texto, vivia o que estou passando com a minha pequena Sarah, ela hj acabou de completar 3 anos, essa crise axo q ceio um pouco tardia, pois começou de 1 mes pra cá, mais sei q devo ter paciencia, apesar de ser muito dificil, realmente saimos de nós muitas vezes, mais tenho fé q vai passar! obrigada por compartilhar com a gente, um abraço!

    ResponderExcluir
  44. Nossa...enquanto lia o texto, vivia o que estou passando com a minha pequena Sarah, ela hj acabou de completar 3 anos, essa crise axo q ceio um pouco tardia, pois começou de 1 mes pra cá, mais sei q devo ter paciencia, apesar de ser muito dificil, realmente saimos de nós muitas vezes, mais tenho fé q vai passar! obrigada por compartilhar com a gente, um abraço!

    ResponderExcluir
  45. Oi vi q ñ é só a minha neta então ? ela tem 2 anos e 2 meses ,ela morde e bate ,mas só a mãe dela ,ñ sei se é para chamar a atenção pq ela passa o dia todo na escola , minha filha ñ sabe mais o que fazer !!!

    ResponderExcluir
  46. Gente eu tenho até medo.FAz um eco no bairro onde moro os gritos, Deus ela grita com todas as forças, não um só grito, váaarios berros de alma, escândalos, estamos jogando bolinha e de repente, eu falo algum não ela me olha bem e grita, começa aí toma fôlego e berra. Ontem foi na biblioteca, começou com um "eu quero" e eu disse que não, que era do coleguinha, de repente ela começou a gritar, saí com ela de lá e vim andando pelas ruas, ela parecia que estava sendo exorcizada, um escândalo, pessoas saíam nas portas das lojas e bares pra ver, ela no colo gritando não mamãe, não e assim foi por 45 minutos. Sabem o que são 45 minutos andando na ria com um bebe grande gritando? Me sinto culpada, frustrada, vontade de sair correndo sem olhar pra trás.E geralmente ela é boazinha, compreensiva, carinhosa, mas dá esses surtos nela. Aí quando ela dorme e vem a paz, ouço os vizinhos falando que deve ser um desequilíbrio da mãe porque crianças não tem ataques de nervos...

    ResponderExcluir
  47. Nossa hj resolvi pesquisar so vó de uma linda menina de 2 anos,
    ela tem crise de choro e grito constante ela na minha casa quer mexer em tudo não pode ser contrariada que entra em crise, a mãe dela as vezes perde as estribeira da uns tapas se arrepende sofre. Muitas vezes não querendo interferir me obrigo entrar na casa de minha filha para acalma-la, por incrível eu sou a única que muitas vezes consegue.
    Ela fica descontrolada por qualquer motivo, sai chorando sem saber por onde andar e pode se machucar, e sem querer bater em algum móvel, nesse momento seguro firme ela faço olhar para mim e digo para de chorar que a vovó não gosta converso sobre o que ela quer e falo se pode ou não e tendo distrai-la com outra coisa.
    Ela é um grude comigo que a mãe fica até um pouco enciumada, já levamos ao médico e ele falou que é da idade que problemas psicológicos ela não tem, ela está na creche e lá é totalmente o oposto de casa, Mais tenho esperança que tudo vai mudar ela apesar de tudo é muito carinhosa gosta de massagem nas costa dormir na minha casa é o meu tesouro, faço tudo o que posso mais dentro dos limites, ela tem um irmão de 9 anos que sempre foi o oposto dela compreensível carrinho educado menino de ouro, Deve ser por isso que estranhamos a atitude da nossa gatinha, com fé e esperança Deus da força e sabedoria a todas as mamães e vovó.
    abraços a todos e obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc está no caminho certo. Tem que tentar distrair pra outra coisa, mudar o foco ;)
      Daí eles acalmam...
      Bom ter ajudado.
      Bjs

      Excluir
  48. Não sei o que se passa com a minha pequena Letícia, desde bebê teve problemas com sono mas tudo piorou a partir dos 8 meses qdo começou acordar de 15 em 15 min a noite toda e ter crises de nervoso tanto anoite qto de dia grita, chora, se estica, bate até que levei numa neuro que a diagnosticou com imaturidade do sono. Começamos a tratar nossa imaginei meus problemas acabaram realmente o sono melhorou mas as crises nervosas pioraram e hoje com 3 anos e 5 meses tem crises histéricas qdo contrariada chora, pula, me belisca e se eu falo firme com ela não aceita ja tentei ate dar uns tapa pra ver se resolvia mas piora tenho a impressão que ela não teme, tento ignorar mas ja chegou a chorar por 2 horas seguidas fica pedindo coisas impossíveis, não sei mais o que faço estou no meu limite já levei em neuro, psicologa tudo pra eles é comportamental isso eu sei mas como se resolve isso já se passou os 2 anos e nada de melhorar só vai piorando e olha que tento ser firme mas nada adianta me sinto impotente, tem meses que ela fica bem sem nenhuma crise chora, faz birra como qualquer outra criança mas do nada desencadeia novamente essas crises que não sei qual é o fundamento. Vejo vários relatos parecidos mas tem hora que acho que sofro sozinha porque nunca conheci criança igual a minha. Abraços a todos e desculpem o desabafo de uma mãe perdida.

    ResponderExcluir
  49. Olá.. meu filho de 02 anos e 03 meses começou a passar por isso... ele frequentava escolinha particular desde 1 aninho de idade somente no período da tarde... sempre foi um príncipe.. agora consegui vaga numa boa escolinha municipal e ele começou a frequentar período integral... ele está muito nervoso.. mas talvez não seja somente o fato da mudança de escola e sim essa fase.. pois quando chega na porta de escola ele fica feliz e quer entrar... mas quando chega em casa está muito cansado, esgotado e dorme... mas quando ele acorda por volta das 10 da noite tem essas crises incontroláveis.. nada resolve.. nem mesmo oferecer balas, chocolates.. coisas que ele jamais recusaria em estado normal... ele berra sem parar quer uma coisa qdo vou fazer não quer mais, quer ir para a sala.. quando chego na sala quer ir para o quarto.. quer que eu deite com ele.. se eu deito ele me empurra e manda sair.. se eu saio ele grita quer que eu volte... realmente ele não sabe se controlar... estou tentando ter muita paciencia e estou só conversando depois que passa.. mas ta complicado.. quando acordo para ir para escola é outra birra.. não deixa trocar a roupa... é outro escandalo... espero que passe logo..

    ResponderExcluir
  50. Recebi de Deus a benção de ser mãe aos 42 anos. (Não podia ter filhos) Hoje minha Ana Julia está com 2 anos e 1 mês e está passando por essa faze... Chora muito, tudo é motivo para chorar. Eu e seu pai damos muita atenção e muito carinho e não aceitamos manha e mal criação, utilizamos o castigo. Mas confesso que as vezes só a palmada resolve. Nós trabalhamos e ela fica na creche, Ontem não trabalhei e fiquei o dia todo com ela, achando que fosse carência, mas o comportamento dela não mudou, mesmo eu dando toda atênção. Á noite é pior porque ela não quer dormir e nós ficamos esgotados. Ontem depois de conversar, orar, canta, ninar, depois de mais de 2 horas e toda a paciência ter se esgotado, o que resolveu foram 2 tapas na bunda (com frauda). Eu não quero bater na minha filha, mas às vezes não dá! Hoje eu conversei com meu esposo, e a tática que vamos usar a partir de agora, é chorou sem motivos = castigo e pegar no colo só quando parar de chorar (exceto quando se machuca, ou susto, etc.) Vamos ver se dará resultado. Hoje descobri que é uma fase... Espero que passe rápido. Obrigada a todos por deixar suas experiências, me ajudou muito. Fiquem com Deus.

    ResponderExcluir
  51. Adorei ler sua matéria pois e exatamente o que estamos vivemos atualmente sou mãe da Júlia de 2anos entarei seguir seus conselho obrigada.

    ResponderExcluir
  52. A minha Malu está passando por está terrível crise, ela tem 2 anos e 4 meses, as vezes chora sem mais e nem menos, de carinhosa e doce está rebelde e braba, tomará que passe está fase quero a minha filhinha doce de volta....UFA!!!

    ResponderExcluir
  53. Nossa que maravilha, como é bom saber que não é só comigo! rsrs.. Meu filho tem 2 anos, e está terrível também, ainda para ajudar ele acabou de ganhar uma irmãzinha, e eu estou passando o resguardo na minha mãe, estão já da para imaginar como as birras, manhas, e mimações estão sendo horrendas! Admito que esse post me tranquilizou bastante!!

    ResponderExcluir
  54. Que bom ler esses depoimentos viu... Meu filho fez 2 anos mês passado e de uns dias pra cá faz maior escândalo quando é contrariado...Ele grita, berra, me morde, morde o irmão, se joga no chão... Nossa , tava desesperada, achando até que ele tinha algum distúrbio... AF...Que bom saber q isso passa, que não sou só eu passando por isso. O meu filho mais velho não teve nada dessa adolescência dos bebes, era tão tranquilo. Que Deus nos ajude...que essa fase passe logooo.

    ResponderExcluir
  55. Minha filha completou 3 anos agora, mas desde um tempinho atras, ela também faz isso. Se acha dona de si mesma. Não aceita correção, bate, morde, belisca. è uma luta. E sempre faz birra quando quer uma coisa. Outro dia fez uma birra dentro do shoping, porque queria descer a escada rolante sem ninguem da familia por perto. Foi mais de uma hora, chorando, esperniando, uma birra daquelas. Por fim, quando tudo acabou eu comecei a chorar e pensar que minha filha tem problema. Agora ela está numa fase em que troca de roupa toda hora e só quer colocar a roupa que ela quer. Não aceita outra. Já chegou a ficar 3 dias com o mesmo short. Quando ela dormia eu tirava e colocava outro, mas assim que ela acordava ela lembrava e ia logo buscar o short de ontem. Espero que isso tudo passe, que seja mesmo uma crise. Cheguei até a pensar em TOC. Mas vou conversar com o pediatra a respeito.

    ResponderExcluir
  56. Nossa gente. Minha filha tem apenas um ano e já está fazendo esse tipo de coisa. Ela sempre foi muito amorosa e carinhosa, mas desde os dez meses tem se mostrado bem geniosa. Agora qndo ela ouve um não ou algo eu a contrario ela me da tapas, belisca. Isso está me deixando apavorada, quero saber lidar com isso da melhor forma.

    ResponderExcluir
  57. nossa!!! ufa Graças a DEUS ...DESCOBRI VCS COM OS MESMOS PROLEMAS POIS JÁ ESTAVA PREOCUPADA , CUIDO DA MINHA SOBRINHA SARAH QUE TEM 2 ANOS E 4 MESES E ESTA TERRÍVEL , JÁ ESTAVA ACHANDO QUE ELA TERIA ALGUM PROBLEMA DE SAÚDE ... A MÃE DA SARAH HOJE PASSOU APURADOS COM A ESTÉRIA DELA ...TOMARA QUE PASSE LOGO TUDO ISSO POIS NÃO É FÁCIL ...BJOS A TODAS A MAMÃES...

    ResponderExcluir
  58. Como é bom sentir-se normal né gente! O meu Lorenzo tem 2 anos e 1 mês, sempre foi dramático, mas agora quando é contrariado ele se joga no chão ou de cara na parede ou puxa o cabelo, coloca as mãos na boca e tenta abrir ou morder....faz de tudo p se machucar, fica tendo uns ataques que parecem que tá tendo um treco....quando coloco no sofá p não se machucar se joga no chao mesmo assim....ou seja, sempre se machuca, quando deixo na escola então, é difícil viu....Eu trabalho, e ele fica de manhã com meu marido e a tarde na escola. Fico chateada porque parece que eu poderia evitar, mas não sei o que fazer, então ignoro e tento evitar que se machuque, mas nem sempre da certo pois parece que essa é o objetivo...Espero que passe logo 😕

    ResponderExcluir
  59. pois gente e o meu José Thales tem 1ano e 8meses nossa mãe como estou sofrendo eu não posso conversar com meus vizinhos e nem pode chegar visitas na minha casa por que ele chora muito não sei mais o que fazer fico com muita vergonha do povo e isso me estressa de mais ele é B irrento não vai para ninguém a não ser eu o pai a minha mãe e o meu pai alguém ta passando por isso também?se isso for uma fase espero que passe logo se não vou enlouqueser quase não saio com ele por conta disso.

    ResponderExcluir
  60. pois gente e o meu José Thales tem 1ano e 8meses nossa mãe como estou sofrendo eu não posso conversar com meus vizinhos e nem pode chegar visitas na minha casa por que ele chora muito não sei mais o que fazer fico com muita vergonha do povo e isso me estressa de mais ele é B irrento não vai para ninguém a não ser eu o pai a minha mãe e o meu pai alguém ta passando por isso também?se isso for uma fase espero que passe logo se não vou enlouqueser quase não saio com ele por conta disso.

    ResponderExcluir
  61. Minha filha também está passando pela mesma fase e ufa é só uma fase, estou para ficar louca, uma hora ela está super carinhosa na outra nem parece a mesma, chora por tudo, não obedece, bate nas pessoas, irei levala no neuropediatra pois estou achando ela muito nervosa e agitada tomare essa fase já acabar

    ResponderExcluir
  62. Gente, estou passando pelo mesmo!
    Laura tem 2 anos, mas está muito rebelde, se contrariada, grita, esperneia, chora horrores...
    E tem vezes que ela entra numa espécie de crise e só faz chorar, gritar e espernear, como se não tivesse controle.
    Essa noite acho que ela estava sonhando e acordou procurando a Dora (do desenho), como não achou, essa menina berrouuu!!!
    Desesperadamente!! E nada a acalmava.
    Como estamos em um surto de Zika vírus no meu estado, e sabemos que ele pode afetar o neurológico das criançsa, eu cheguei até a cogitar, que ela teria contraído o vírus sem que eu houvesse percebido, e agora o neurológico dela estava sendo comprometido. Tamanho o desespero meu!!

    Ler este artigo me deixou muito mais tranquila! E oro em Deus para dar força e paciência a mim e a todas que estão passando por essa fase!!

    Iremos conseguir!!!

    Muito obrigada por compartilhar suas vivências!

    Porque hoje, 4 anos depois de sua postagem, elas ainda auxiliam e muitooo!!!

    Obrigada mesmo!

    ResponderExcluir
  63. Estou passando por isso com a minha filha!É desesperador!

    ResponderExcluir
  64. Minha filha tb esta assim tem dois anos e 9 meses..gostei da dica da boneca.

    ResponderExcluir
  65. Meu filhotinho tb está assim, chora escandalosamente ao ser contrariado. É super curioso e ativo. Mexe em tudo. Entendi agora que é próprio da idade e espero ter mt paciência para contornar isso pq cansa mt, leva a exaustão. Eu tenho usado suco de maracujá e chás calmantes. Percebo que ele se acalma bem. Parece que o cérebro começa a coordenar melhor as emoções, ele presta mais atenção nas ordens e obedece melhor.

    ResponderExcluir
  66. Estou aqui passando por cada situação com mnha Helena (2anos e 2meses)..
    Ela esta a cada momento mais rebelde, as crises de histeria tem sido constantes, um mal humor de dar medo. .Estou apavorada..

    ResponderExcluir
  67. Gente, estou aqui escrevendo pois depois de uma tarde e alguns meses já terríveis, achei que ia pirar. Tenho medo de perder a cabeça, minha filha está me deixando louca. Fico com ela o dia todo. Eu e meu esposo damos todo carinho, amor, sorrisos, brincadeiras que ela merece. El sempre foi uma menina doce e adorável, como muitos dizem sobre ela,um Tesouro. Ela tem 2 e 8 meses. Sempre foi de personalidade forte, muito diferente de mim. E eu estou passando por um período muito difícil comigo mesma. Tenho ficado sem paciência, tensa, nervosa, depressiva comigo mesma, e ainda soma que a minha filha está assim. Não sei mais o que faço. Moro fora do país. Não tenho nenhum familiar por perto, mas temos contato pessoal e íntimo com pessoas que amam a Sara como neta, Sobrinha, ... Enfim. Todos os dias ela com certeza vai para o cantinho. Não me obedece, grita comigo, quer dar ordens, não quer tomar banho, não quer comer, enfim... Tudo vira gritaria, se debate, e os gritos ficam ecoando dentro da minha cabeça e vai fervendo o sangue, tento não brigar, não fale dura mas é difícil! Estou sem forças, me achando incapaz de educar a minha filha. Me sinto fraca e sem moral. Minha filha sempre foi desejada e planejada. É super inteligente... Desse jeito não consigo pensar na possibilidade de ter outro filho que é o desejo do meu marido. Passando por isso, não me vejo em condições emocionais para conseguir cuidar de mais um.
    Tenho casa para arrumar, dois banheiros para lavar, um cesto de roupas sujas que já está transbordando!!! Tudo isso para hoje ainda é só consigo nesse momento, depois dela chorar, e chorar sem motivo, só pq não queria que eu a vestisse no quarto, pois está frio, depois de um banho quente, queria que eu a vestisse no sofá para ver desenhos. Tentei de todas as formas fazer ela entender que ela já ia ver o desenho, mas simplesmente fazer a vontade dela era o que eu não queria. Depois de ter colocado ela no berço, contra a conta dela, disse que não iria mais ver desenhos pela sua desobediência e chorar a toa. Ficou no berço contra sua vontade, em dois minutos parou de chorar. Depois disso tudo só consigo estar sentada no sofá, escrevendo para vcs para não enlouquecer, enquanto ainda tenho que arrumar a casa toda pois terei visitas... Afff socorro! Será que estou ficando doida ou já fiquei?! Rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nosaaa me sinto assim tbm....hj estava pensando no q fiz de errado...tava pensando pq meu filho é assim? Desobediente,mexe em tudo,nao consigo ter vida social pq ele vai na casa dos outros e nao deixa eu me sentar de tanta coisa q ele mexe...deus q me perdoe mas as vezes penso pq fui ser mae? Tenho vontade de sair e nao voltar mais pra casa....e o pior de tudo é q meu marido fica fora o dia todo quando chega em casa o nosso filho ja esta dormindo e quando falo pra ele q nao estou conseguindo segurar essa barra ele diz q estou exagerando. Nao sei mais o q fazer só choro r desejo q meu filho mude. ..

      Excluir
  68. Olá hoje tive a pior experiência da Minha vida eu estava arrumando a sala e num acesso de fúria meu filho puxou meu cabelo me puxou me bateu... e outras coisas que fico até com vergonha de falar. Ele tem 2 anos e 7 meses. Conclusão estou machucada até tentou me enforcar. Fiquei sem reação não queria maxuca4 ele pois tive vontade de bater, mas sei que se eu batesse com raiva eu iria passar dos limites estou tremendo até agora.
    Fiz uma oração e ele foi melhorando e dormiu, estou apavorada.

    ResponderExcluir
  69. Minha filha tem 4 anos e ela com 1 ano e 6 meses sempre foi assim. Se é contrariada ou se fala um não ela deita no chão se debate, chora alto, grita, esperneia, xinga. Enfim não sei mais o que fazer. Tem horas que eu tenho vontade de sair correndo. Não esta facil ter paciencia, conversar e explicar não resolve, carinho que ela tem de sobra também não resolve, tapa no bumbum também não resolve, castigo ela não fica!!Marquei um neuropediatra. Fico aliviada de saber que não estou sozinha!!!

    ResponderExcluir
  70. Vocês sabem quanto tempo dura essa fase? Estou passando por isso com minha filha.

    ResponderExcluir
  71. nossa minha filha tem 2 anos e 7 meses ela esta terrível, mas acho engraçado que é só comigo, quando chego do trabalho ela ja esta em casa meu esposo disse que quando não estou é tudo uma maravilha, mais quando chego ela chora esperneia briga grita m bate!! É horrível e eu não sei o que fazer! os finais de semana ela briga muito comigo!! ate meu esposo ja esta disendo que é culpa minha ela faser essas coisas. Eu converso com ela mais nada adianta!!

    ResponderExcluir

Oi! Obrigada pela visita! Adoramos comentário! Bjs Ane e Malu