Malu,minha razão de viver!

Malu,minha razão de viver!

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Da viagem ao Mato Grosso


Fiquei dias fora, e dias em falta com o blog.
Estava com saudade... Saudade de visitar os blogs amigos, saudade de postar no meu blog, saudade de vocês amigas que me visitam sempre.
Mas agora estou de volta, com muita coisa ainda pra pôr em dia, mas devagar se vai ao longe...
Tenho tanta coisa pra contar...
Tanta coisa pra deixar registrada nos anais da história da Maria Luiza... Coisas das quais não quero esquecer...
Foram dias gostosos ao lado da vovó Telma e da tidinda Elissa. A tidinda é quem mora lá, e a vovó foi junto com a gente nessa viagem.
Apesar de estar amando a companhia das duas, o passeio aos lugares lindos que tem o Mato Grosso, nem tudo foram girassóis (lá tem a maior plantação de girassol do país)... rs
Ficar muitos dias com criança fora de casa, fora do seu habitat não é nada fácil. Nos primeiros dias vai tudo bem, mas depois a situação começa a ficar bem complicada.
A gente saiu muito, visitou muitas pessoas, fez vários passeios, comeu em diversas casas... Então isso acabou não gerando na Malu uma ambientação saudável... Pelo contrário, ela não criou vínculo em um lugar certo, gerando stress...
Aconteceu que ela acordava várias vezes chorando durante a noite, dormindo agitada, tendo vários sonhos... Então já começa que não tem um sono tranquilo e saudável. Não andava se alimentando bem...
E mais... Andava arteira, aprontando todas! Agitada e sapeca. Pintou as paredes da tidinda, quebrou as conchinhas que enfeitavam a estante dela, quase matou a papagaia Olga jogando coisas nela e até dando com o cabo da vassoura na pobre bichinha., estava birrenta de se jogar no chão e tudo, só queria vestir a roupa que ela escolhesse... e por aí vai...
Então, aí é que são elas! O fato é que por estarmos fora de casa, na presença de outras pessoas, que mesmo que sejam da tua família... você começa a se sentir pressionado a mostrar serviço, ou seja, a mostrar que educa, que tem pulso e domínio sobre a tua filha. Há uma cobrança por parte de você mesma pra mostrar que você educa e consegue manter controle sobre as situações. Ai como isso gera stress!!! Nossa como foi difícil! A Malu não estava ajudando... E eu não queria deixar que ela tomasse conta da situação. Então toda hora tinha que estar chamando a atenção dela, brigando com ela, corrigindo ela... Ai que difícil! Nem toda hora eu queria brigar com ela, mas me sentia na obrigação de fazer por não estar na minha casa, onde tínhamos que respeitar a ordem da casa onde estávamos hospedadas, eu simplesmente não podia deixar que a Malu pegasse tudo o que queria, fizesse tudo o que bem entendia, por mais que a dinda tivesse nos dado liberdade. Dar limites faz parte da educação.
Não sei sinceramente se acertei ou se simplesmente errei em tudo o que fiz em relação a educação dela. Tinha noites que eu ia dormir com o coração contrito, pesado e ate´chorava por achar que tinha sido muito dura com ela. Que situação.
Eu acho que eu deveria ter sido mais compreensiva, ela estava fora de casa, sem seu papito, sem seus brinquedinhos, fora da sua rotina diária e ficava entediada, por isso acabava fazendo arte... Mas isso são coisas que a gente acaba avaliando depois... ou eu acabei avaliando depois só... isso me deixou tão pesarosa...
Mas é como eu disse, aquela sensação de ter que dar satisfação da educação que vc dá à sua filha pesa muito nessa hora que se está fora de casa...
No mais foi tudo ótimo, a Malu curtiu bastante os passeios, viu araras, "pacagaios", conheceu novas pessoas, conviveu um tempo com a dinda, fugiu um pouco do frio, etc... Mas nada como estar de volta em casa...
Meu conselho é:
Se seu filho tem menos de 3 anos de idade, não fique muito tempo fora de casa com ele. Viagem rápida é melhor, a não ser que o pai esteja junto, ou que você consiga criar um ambiente bem familiar com as coisas que ele mais gosta da sua casa, a fim de que ele se ambiente e se familiarize rápido com o lugar. Mas o melhor é não demorar muito mesmo fora de casa, pra não tirá-lo da sua rotina.
Até os 3 anos de idade e até mais a rotina é algo importantíssima na vida das crianças. Faz com que elas se sintam seguras, sabendo o que esperar do dia delas. Fora isso, gera uma expectativa não muito saudável neles, o fato de não saber qual o próximo fato os deixa inseguros, com medo.
Bem, cada mamãe com suas experiências... Sei que cada criança é uma, que cada mãe é uma e que se conselho fosse bom era vendido. Mas é sempre bom ouvir o que cada mãe tem a dizer sobre suas próprias experiências, sempre acaba se tirando algo proveitoso.
E aguardem , a seguir cenas do próximo capítulo.
Beijinhos da mamãe da Malu.

17 comentários:

  1. Aproveitaram muito a viagem, tenho certeza que tudo foi maravilhoso.
    Mas realmente com criança não podemos abusar, eles sentem falta da casa, dos brinquedos, da cama, até de não fazer nada em casa. Aqui quando saimos normalmente vamos na sexta e voltamos domingo no máximo segunda e mesmo assim já começa a rolar um certo stress.

    Beijos,
    Francisca

    ResponderExcluir
  2. q lindaaa que tá a Malu
    bjinhos pra vcs
    perolasdealanis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ai amiga estar fora de casa não é fácil mesmo... Mas passou e vc estava novamente em seu cantinho... eles não estão preparados para as mudanças como nós estamos, né...

    Beijocas em você e na Malu

    Carol

    ResponderExcluir
  4. Viagem com crianca por mais curta que seja eh dificil, eu penso duas vezes antes de viajar com o Bruno, acho que vou seguir seu conselho, viagem somente quando ele tiver pra lah de tres anos, serah que aguento??? A proposito a Malu eh sua copia, que linda! Cadê a marca d agua? Protege essa galeguinha linda, nao da para confiar nesse mundo virtual nao... se quiser, posso te ensinar como colocar.... bjs

    ResponderExcluir
  5. Olha amiga, nunca fiquei muito tempo fora de casa com Pitchú, mas tenho q experiencia de ter ido passar um tempo na minha avói enquanto meu apto novo não era comprado...vc sabe da historia ne, te contei um dia...ela quse matou a bisa com uma vassourada, fazia xixi de proposito no sofá da bisa, quebrava as torradas da bisa na mesa do cefá...aprontou todassssssssssss kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Amiga estava aqui pensando na mesma situação eh provável que eu faça uma viagem com a minha princesa, mas acho que o que você sentiu é extremamente natural, afinal vc tb estava fora da sua rotina, não se cobre tanto, criança sabe das nossas fraquezas e se aproveitam mesmo...o importante e curtir o momento com sua filhota bjos

    Cristina e Ágatha

    ResponderExcluir
  7. Um que legal viajar e matar a saudade de pessoas queridas ou mesmo só distrari é tudo de bom. Que bom que voltou, bjo da Cris

    ResponderExcluir
  8. Oooooie !

    Como essa gatinha esta linda parabéeens!

    Adoro Viajar Bjuuuus!

    ResponderExcluir
  9. Apesar dos contratempos que bom qe a viagem foi boa e conseguiram curtir a família, conhecer e visitar coisa e lugares novos ...

    beijos Mi Gobbato
    http://espacodasmamaes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Amiga tem selinho para vc lá no meu blog

    Beijos Mi Gobbato
    http://espacodasmamaes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. oii estous eguindo vcs!!! SEGUE O MEU BLOG LÁ TMB!

    BJOS NA MALU Q É UMA FOFONA

    http://likadubois.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. A Malu está lindona. Seu sorriso me contagiou.
    Mande uma beijoca pra ela.

    ResponderExcluir
  13. Oi Anelize,
    linda a Malu e viajra é muito bom. Realmente precisamos colocar limites e isso as vezes aperta o nosso coração.
    Eu já viajei e fiquei bastante tempo fora com as minhas pequenas, mas sempre com o pai junto.
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Ai amiga, que bom que tudo deu certo na viagem!!
    A Malu como está linda.
    Impor limites é difícil, mas temos que colocar... Educar é difícil, rs

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Viajar é tudo de bom, que bom que já está de volta, estava com saudades.
    beijos
    maede4princesas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Que bom q vc esta de volta....senti falta das atualizações do seu cantinho.....bjuss

    ResponderExcluir
  17. Eu amei todas as fotos dela, como já disse e foi um passeio e tanto, sem dívida. Mas faça o favor de não ficar tanto tempo longe, viu? Faz falta a companhia de vocês.

    Quanto a educar, menina, você vai ter cabelos brancos, ser avó e bisavó e nunca terá certeza de que tirou nota dez. Uma coisa é certa: colocar limites é necessário e ela ainda está na fase de testar, então...relaxa! Ela recebe amor e disciplina em doses proporcionais e isso a prepara para o mundo, que afinal não é muito bonzinho, não é?
    Beijos.

    ResponderExcluir

Oi! Obrigada pela visita! Adoramos comentário! Bjs Ane e Malu